Porque Deve Investir em Ouro

| Março 14, 2012 | 0 Comments

O mundo inteiro procura a melhor forma de sobrevivência, talvez por instinto ou por aconselhamento ou ainda por aproveitamento de oportunidades. Num momento em que a crise teima em não desaparecer, uma das soluções mais eficiente e rápida de fugir dela é o negócio do ouro.

Em 5.000 anos de história, nada pôde mudar o valor universal do ouro, não é novidade que o ouro se encontra entre os mais populares como investimento e uma forma de moeda que nunca falhou. É considerado um dos investimentos mais seguros, conservadores e tradicionais em tempos de crise e uma fonte segura de riqueza. É uma reserva de valor durável, de fácil manejo e transporte, não sujeita às mesmas flutuações inflacionárias do papel-moeda, e nem às catástrofes do mercado de ações.

O ouro foi a principal moeda de quase toda a Europa, Ásia e América, até 1971, tem passado como meio de troca e reserva de valor através dos anos e das civilizações por algumas razões básicas, é um bem raro, de uma beleza inigualável, e os custos de mineração são elevados, é praticamente indestrutível, é compacto, maleável e divisível, está à nossa disposição em diversas formas e pesos e ainda além de ativo financeiro é aceite internacionalmente com liquidez imediata.

O dinheiro utilizado atualmente não tem valor, é papel, já o ouro é raro, tem muita procura e quem o tem, tem o futuro assegurado, o mesmo não pode dizer quem tem dinheiro, corre sérios riscos, porque caso haja rutura da moeda atual, todas aquelas notas que possui e que antes davam para comprar tudo passam a ser um monte de papel que serve apenas para… limpar o nariz.

O ouro tem tendência a continuar a valorizar, possui valor real e tangível. Ao contrário do dinheiro em circulação, não está sujeito a manipulação pelo governo, vale porque é ouro e porque a proporção entre a sua demanda, que é crescente, e a sua produção, que influencia a oferta, está em ascensão a seu favor, é uma espécie de refúgio do dinheiro e será o seu representante.

O ouro, que passou para o imaginário das pessoas como um símbolo de riqueza, é mais acessível ao investidor do que se pode supor.
O avanço nos seus preços durante a crise financeira foi motivado pelo fato de os bancos centrais dos EUA e da Europa terem reduzido os juros na tentativa de estimular o crescimento econômico. No principio do mês de Fevereiro de 2012, o preço dos contratos futuros do ouro subiu e atingiu o maior nível em quase dois meses, impulsionado pela fraqueza do dólar, que faz o metal parecer mais barato para os detentores de outras moedas. Os investidores também tendem a comprar ouro quando o dólar perde força por o considerarem uma alternativa segura à divisa norte-americana quando ela demonstra instabilidade.
Por estas razões, os investidores passaram a migrar de ativos de renda fixa, que estavam a proporcionar um retorno menor, para metais preciosos. “O ouro tende a ser um dos poucos beneficiários de períodos de distorção no mercado porque os investidores procuram um refúgio seguro”, disse o analista James Steel, do HSBC.

Apesar de ter subido 500% numa década, ainda há espaço para o preço do ouro subir mais, segundo uma análise pela revista “Forbes”.

Tags:

Category: Geral, Investir em Ouro

Leave a Reply

*


two × 9 =