Cotação do Ouro em Euros


[Most Recent Quotes from www.kitco.com]

Cotação do Ouro em Euros

A cotação do ouro varia numa base diária e está indexada ao valor do dólar americano, medindo-se em onças (unidade de peso – equivalente a 31.1g).

Em Portugal, a cotação do ouro é registada em Euros por grama ou Euros por onça, estando indexada ao valor de referência internacional – Dólares/Onça.

Em seguida apresentamos os gráficos da cotação diária do ouro nas várias combinações:

 

Cotação do Ouro em Euros por grama

Gold Chart
Gold Chart
Gold Chart

Cotação do Ouro em Euros por Onça

Gold Chart
Gold Chart
Gold Chart

Cotação do Ouro em Dólares por Onça

Gold Chart
Gold Chart
Gold Chart

História da Cotação do Ouro em Dólares por Onça

 

Últimos 10 Anos

 

Gold Chart

Últimos 35 anos
Gold Chart

Uma análise à Cotação do Ouro

O que estamos a presenciar no preço do ouro, já aconteceu várias vezes e irá, inevitavelmente, voltar a acontecer uma e outra vez. Esta é mais uma das lições da história. E por falar em história, recomendo a leitura do livro Como Investir em Metais Preciosos de Mike Maloney. Um livro de leitura obrigatória para quem quer perceber o que se está a passar e acima de tudo como nos podemos proteger dos tempos turbulentos que iremos enfrentar num futuro próximo.

Se pretender saber o que vai acontecer com o preço do ouro no futuro, basta estudar o passado e ficará com uma visão muito mais clara do que está para acontecer.

O que faz variar a Cotação do Ouro?

São muitos os factores que de uma forma ou outra influenciam a cotação do ouro.

Já ninguém se lembra de quando o ouro circulava como dinheiro, mas houve um tempo em que ninguém conseguiria viver sem este metal precioso. Atualmente o ouro é uma mercadoria e muito popular como um dos investimentos mais seguros.

O preço de ouro flutua todos os dias, todas as horas e todos os minutos, sendo influenciado por inúmeros factores que, na prática, representam a sua importância na conjuntura económica global.

Os desastres naturais ou históricos, tal como as grandes guerras, as crises económicas de largas escala, as quedas do mercado imobiliário, as falências bancárias, as crises de  fome, as pandemias ou outros cenários catastróficos estão entre os principais factores que podem ter consequências inesperadas na cotação do ouro.

Os períodos de incerteza e de elevada turbulência que vivemos também contribuem para a desvalorização das moedas, e assim as pessoas, naturalmente procuram investimentos historicamente mais seguros, por terem um valor intrínseco e não desvalorizarem tão facilmente. Sendo o ouro um desses activos financeiros, não é de admirar que o seu preço aumente no decorrer destes casos.

A procura e a oferta são outros dois factores que influenciam a flutuação no preço do ouro. O ouro não é um metal abundante e portanto a oferta é limitada, como tal, qualquer aumento na procura faz oscilar o sua cotação.

Nos últimos 100 anos, a cotação diária do ouro tem sido definida, internacionalmente, pelo The London Gold Market Fixing.